Venn para Relacionamentos

 

Esse diagrama de Venn sobre vantagens em relacionamentos para homens é trans. Parece que é, mas vem com surpresinha. Status não faço ideia do que está fazendo na intersecção, já que é um item que pertence exclusivamente à mulher. Se a mulher e o homem têm o mesmo status, nada muda para os dois, e como mulheres não casam abaixo, não há transferência de status. Ainda que façam isso, a transferência é duvidosa, e o status pode inclusive diminuir. Dúvidas e reclamações, favor entrar em contato com o Namorado da Ótima Bernardes.

Temos também suporte emocional na intersecção. Outro item duvidoso. Receber suporte emocional não é item disponível para homens em relacionamentos, então não conte com essa galinha dentro do ovo. Homens estão obrigados a dar suporte emocional, mas não têm direito a carências emocionais ou fragilidades em relacionamentos. Assim que a que sua fragilidade se tornar prioridade, você não é mais prioridade.

Sobrou então sexo. Mais um item que foi corrompido pela modernidade, e sobrevive hoje agonizando do lado de fora do hospital, pois não há leitos na UTI em razão da pandemia feminista. Para o homem do passado, independente do quanto se escravizasse, se anulasse como indivíduo e se mutilasse em benefício exclusivo da mulher, ignorando completamente seus desejos e necessidades, ainda assim existia um paraíso intocado dentro do relacionamento, um lugar idílico e sagrado que materializava-se para ele, como prioridade dele e em seu benefício: o sexo.

Mulheres não estavam necessariamente proibidas de auferir benefício da atividade sexual, mas era estabelecido que, ao menos naqueles breves instantes, o relacionamento existia prioritariamente para o homem, para atender os desejos e necessidades do homem. Tudo isso é passado. The chumbregância is over.

Sexo hoje existe para a mulher e em função das necessidades da mulher. Ele vai acontecer na frequência determinada pela mulher e terá que ocorrer dentro das especificações da mulher. Falhar em cumprir com essa meta é garantia de um pé na bunda, que virá mais rápido do que você é capaz de dizer "vai ser bom, não foi"?

Ser obrigado a satisfazer a mulher sexualmente é mais uma das obrigações que se acumulam a cada dia que passa nas costas de homens, sem que lhes seja oferecido nenhuma contrapartida pelo encargo adicional. Cumprir as metas e especificações sexuais estabelecidas pelas mulheres não lhe dá direito a créditos, já que isso, como tudo hoje para homens em relacionamentos, nada mais é do que sua obrigação.

Lembrem-se da regra: obrigações são coisas de menino, vantagens e benefícios são coisas de menina.

Postagens mais visitadas deste blog

O Fardo da Mulher Extrovertida

Calabresa Fagundes

A Casada e o Shortinho

Iara Dupont

O Mundo de Cinderela